Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Perfil do egresso

Saiba onde  trabalhar e quais atividades estará apto a realizar ao concluir o curso.

 O Técnico de Segurança do Trabalho encontra ampla inserção no mercado de trabalho, podendo compartilhar equipe multidisciplinar voltada à promoção da segurança e saúde nos ambientes de trabalho, participando ativamente do controle de fatores de riscos que possam comprometer a saúde e a produtividade.

O Técnico em Segurança do Trabalho deverá ser um profissional capaz de:

  • Analisar procedimentos de rotina, indicar medidas e sistemas de proteção coletiva e equipamentos de proteção individual;
  • Conhecer e interpretar a legislação e normas técnicas de segurança e saúde no trabalho;
  • Coletar dados e informações capazes de identificar os locais de risco de acidentes pessoais e materiais, visando à recomendação de mecanismos que corrijam as deficiências de máquinas, equipamentos, de organização de trabalho, reduzindo, assim, a possibilidade de interrupção da linha produtiva por eventual ocorrência de acidente de trabalho;
  • Identificar e avaliar rotinas, protocolos de trabalho, instalações e equipamentos;
  • Colocar dados e informações capazes de identificar os locais de risco de acidentes pessoais;
  • Elaborar planos, instrumentos de avaliação, programas de segurança, normas e regulamentos internos;
  • Aplicar primeiros socorros em situações de emergência;
  • Desenvolver programas de prevenção, palestras, cursos para a redução dos acidentes e controle de sinistros, gerando assim a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores e da produtividade no ambiente de trabalho;
  • Estabelecer entre empregador e trabalhadores procedimentos que permitam atuações conjuntas nos diversos setores frente aos acidentes de trabalho, doenças e sinistros;
  • Divulgar conhecimentos sobre as necessidades da segurança em benefício do desenvolvimento dos trabalhadores e da empresa.

Fim do conteúdo da página