Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Educação inclusiva
Início do conteúdo da página

Educação inclusiva

Publicado: Sexta, 14 de Setembro de 2018, 14h23 | Última atualização em Sexta, 14 de Setembro de 2018, 14h24

Docentes participam de palestra sobre o autismo no ambiente educacional

palestra autismo 4"O aluno com Transtorno do Espectro Autista no Ambiente Educacional" foi o tema de uma palestra ministrada pela psicóloga Larissa Karen da Costa Meyer aos docentes do IFSULDEMINAS – Campus Pouso Alegre, no dia 12 de setembro. Segundo a coordenadora de Ensino, Mayara Lybia, nas reuniões com os professores, observou-se a necessidade de abordar assuntos relacionados à Educação Inclusiva. “Trata-se de uma realidade institucional e faz parte da nossa atribuição enquanto Instituição de Ensino. Queremos preparar o corpo docente e os demais profissionais da instituição para oferecermos a melhor atuação possível no processo de inclusão em nossa escola”.

Durante a atividade foram apresentadas estratégias de trabalho com autistas para os professores trabalharem suas disciplinas em sala de aula. “É importante o professor descobrir do que um aluno com autismo gosta e, a partir daí, inserir os interesses do aluno dentro da disciplina que ele ministra”, disse a psicóloga.
Segundo Larissa, na educação fundamental, os professores usam muito as situações concretas para trabalhar com os alunos, o que poderia ser aplicado também em outras etapas da educação. O receio de alguns professores é de que, ao focarem muito no aprendizado de um aluno, os demais acabem se dispersando. “O objetivo individual não pode ficar acima do coletivo, mas é necessário encontrar um meio termo”.

Professor de Pedagogia e Libras no Campus Pouso Alegre, Johnny César dos Santos explicou que há casos em que as atividades adaptadas para uma situação específica, mas aplicadas para toda a turma, acaba auxiliando toda a turma. “Esse trabalhar com alunos com algum tipo de deficiência na sala de aula tem ajudado muitos professores, enquanto estratégia de montar atividades, avaliações, porque percebem que pode ser feito de formas que outros alunos também aprendem”.

A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, quanto ao aluno autista no ambiente educacional, diz que os sistemas de ensino assegurarão aos educandos com necessidades especiais curriculos, métodos, técnicas, recursos educativos e organização específicos para atender às suas necessidades. “Com o número crescente de alunos com autismo em contato com os conteúdos escolares nas salas de aula, são imprescindíveis estratégias adequadas para que esse aluno possa entrar e progredir na escola”, disse a palestrante.

De acordo com a coordenadora de ensino do Campus, essa foi a primeira palestra, aos docentes, voltada para a educação inclusiva. “ Buscaremos mais profissionais e especialistas que possam abordar as principais dificuldades e transtornos globais de aprendizagem, além de experiências concretas como os mais diversos tipos de inclusão”.

Ascom/Campus Pouso Alegre

14/09/2018

registrado em:
Fim do conteúdo da página