Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > IF Pet Terapia
Início do conteúdo da página

IF Pet Terapia

Publicado: Quinta, 20 de Fevereiro de 2020, 15h52 | Última atualização em Quinta, 20 de Fevereiro de 2020, 16h08

Campus Pouso Alegre inicia terapia com animais para alunos da APAE

Cadela abandonada  vira cão terapeuta em projeto do IF

IF terapia Pet 10O projeto IF Pet Terapia foi idealizado para atender ao programa do IFSULDEMINAS “Aprendendo com as diferenças”, o qual oferece atividades cognitivas e de convivência para os usuários das Apaes do sul de Minas. No projeto desenvolvido no campus Pouso Alegre, a cadela Mel, uma das várias abandonadas no entorno da escola e assistida pelo grupo ‘Adote um Pet do IF’, foi a escolhida pelo seu comportamento dócil, aperfeiçoado com adestramento profissional. Inicialmente, participam das atividades os usuários da APAE de Ipuiúna.

“O objetivo do nosso projeto é promover a interação do cão com os assistidos pelas APAEs participantes do projeto, através da Atividade Assistida por Animais, oferecendo a oportunidade de melhoria da qualidade de vida dos assistidos e dos animais co-terepautas, proporcionando oportunidades motivacionais, de lazer, descontração, recreação, distração, entretenimento, vínculos, socialização e benefícios emocionais e/ou cognitivos aos alunos da APAE”, explicou a coordenadora do projeto, Suzan Evelin Silva, enfermeira no Instituto Federal.

Atualmente a ciência tem desenvolvido diversos meios para promover a saúde mental e a interação dos seres humanos com os animais constitui um instrumento com resultados muito favoráveis. Este tipo de intervenção é chamado de Terapia Assistida por Animais (TAA). Essa terapia pode ser realizada com qualquer pessoa, mas tem sido utilizada principalmente para incentivar o desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com dificuldades físicas, emocionais, cognitivas e sociais.

Segundo médico Edson Luiz de Lima, coordenador de Qualidade de Vida do servidor do IFSULDEMINAS, a interação das pessoas com os cães, em geral, pode IF terapia Pet 18facilitar o entendimento do senso de responsabilidade. “Ao incentivar tarefas relacionadas aos cuidados com o animal, como por exemplo, dar comida e água, estamos ensinando o valor do cuidar e a corresponsabilidade com o ecossistema. Há também benefícios psicológicos e emocionais, melhorando a motivação, o humor e combatendo a ansiedade, a depressão, o estresse e a monotonia. E não para por aí, a terapia trabalha todos os sentidos do paciente e desenvolve habilidades motoras e de coordenação”.

Para a diretora da Apae de Ipuiuna, Regina Maris Muniz, os benefícios da TAA já puderam ser notados na primeira sessão. “Senti uma emoção muito grande de ver o sorriso do Carlos com o animal, o que pra nós não é comum. O Carlos não dá muita liberdade e com a Mel vimos a alegria, o sorriso, a interação dele”.

O que se espera do projeto:

“Esperamos que os participantes do projeto tenham melhorias em sua saúde física e mental, na socialização, auto-estima, etc. Além disso, também é esperado que o projeto desperte nos alunos assistidos, profissionais da APAE e membros da equipe executora uma conscientização em relação ao bem-estar e saúde do animal co-terepauta, contribuindo para o cumprimento da política de gestão e sustentabilidade ambiental e missão do IFSULDEMINAS e indo ao encontro dos princípios da extensão profissional, científica e tecnológica”, disse a coordenadora do projeto.

IF terapia Pet 29“Vejo essa iniciativa como uma importante demonstração da atenção da instituição às necessidades de todos aqueles que necessitam de cuidados, atendendo sobretudo os que se encontram em situação de vulnerabilidade”, disse Dr. Edson.

A Apae de Ipuiuna participa do programa ‘Aprendendo com as diferenças’ desde a sua criação. Em Muzambinho os usuários da associação participaram de atividades na avicultura e cunicultura. “Eles aprenderam a contar, o que no ensino comum é difícil para eles memorizarem e com os ovos foi muito diferente. O contato com o coelho também foi muito satisfatório”, explicou Regina. Em Inconfidentes eles participaram do processamento de alimentos e do laticínio. “Foi encantador. Eles aprenderam como cuidar dos alimentos antes de levar para a mesa para comer e aprenderam a fazer o queijo”. Em 2020, eles terão atividades na bovinocultura em Inconfidentes e a TAA em Pouso Alegre. “A Atividade com o cão que esperamos fazer a diferença na vida deles!”, completou a diretora.

Sobre os cães terapeutas

Os cães que ajudam na assistência às pessoas com deficiência são preparados, assim IF terapia Pet 1como ocorre com os cães guia, que auxiliam as pessoas com deficiência visual. No caso dos cães utilizados para o apoio em terapias, são observadas algumas características do animal que o habilitam para isso, como: agilidade, obediência, afetividade e paciência. Além de serem treinados com comandos básicos, como: andar junto, sentar e ficar parado para a criança tocá-lo, eles são treinados para conviver com crianças de diferentes deficiências, de forma a não pular e nem apresentar movimentos bruscos.

Sobre o projeto Adote um Pet do IF

O projeto foi idealizado por alguns servidores do campus desde a mudança da sede para o bairro Parque Real, em 2013. Eram constatados abandonos diários por se tratar de um local afastados do centro. Como o Poder Público e as ONGs da cidade não tinham como atender a todos os chamados de resgates, os servidores se uniram e começaram a ajudar os animais deixados no entorno da escola. Com recursos próprios, eles resgatavam, custeavam despesas veterinárias (consultas, exames, vacinas e castração) e enviavam para lares temporários ou hoteis para cães. Através do empenho dos integrantes do projeto, mais de 50 animais foram adotados e ainda há vários à espera de adoção.

Saiba mais sobre o projeto: https://www.facebook.com/AdoteumPetdoIF/ e https://www.instagram.com/adoteumpetdoif/

 

Assessoria de Comunicação

IFSULDEMINAS – campus Pouso Alegre

registrado em:
Fim do conteúdo da página