Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Estão na final
Início do conteúdo da página

Estão na final

Publicado: Sexta, 20 de Setembro de 2019, 15h50 | Última atualização em Sexta, 20 de Setembro de 2019, 15h58

Alunos do Campus Pouso Alegre avançam na Olimpíada de Empreendedorismo

67868473 643581109497467 1265172046845837312 nSeis equipes do IFSULDEMINAS – Campus Pouso Alegre, três na modalidade impacto social e três de mercado seguem firmes na Olimpíada de Empreendedorismo do NEMPA (Núcleo de Empreendedorismo de Pouso Alegre). A etapa final ocorrerá nos dias 23 e 24 de novembro, no Serra Sul Shopping, onde os finalistas apresentarão seus projetos a empresários.

Os alunos estão motivados. “Entramos na competição para ganhar. Estudamos muito o mercado, vimos qual a necessidade do meio para solucionar esse problema. Vamos aprofundar a ideia para levar adiante e vencer a competição. Esperamos chegar na final e engolir os tubarões”, disse Douglas Silva Ribeiro, da equipe e-serviçoseconstrução.

Outra equipe classificada foi a 100% Especial, na modalidade impacto social. A ideia de empreendimento pretende agilizar o processo de contratação entre empresas e portadores de necessidades especiais. “Percebemos que as pessoas com deficiência têm dificuldade de colocação no mercado de trabalho e uma plataforma intermediaria esse processo. Também queremos incentivar as empresas a contratarem o maior número de PCDs pelo benefício mútuo que isso pode gerar tanto para as empresas quanto para os deficientes”, explicou Letícia Aparecida dos Santos Carneiro.

Ana Elisa, que também faz parte da 100% Especial disse que a classificação foi uma surpresa. “Foi bom saber que eles gostaram da nossa ideia porque vai ajudar muitas pessoas da região que precisam”.

Bianca Garbin, Bruno Garcia, Franciele Justimiano, Jacyelli Crispim e Larissa Brunhara compõem a equipe Eco Build. A ideia é de um tijolo ecológico. Francielle explicou como seria a processo de produção. “Não se encaixa nos tijolos convencionais de cerâmica, mas tem a mesma qualidade que o tijolo convencional. O que diferencia o nosso produto para o de cimento é que utilizamos resíduos de fibras astrolósica, o que faz com que o nosso produto seja mais barato com a mesma qualidade. E o diferencial para o de cerâmica é que ele é prensado, o que leva a uma economia dos recursos renováveis do meio ambiente, pois dispensa a queima na hora da fabricação”.

A equipe está entusiasmada com a classificação. “Queremos melhorar o projeto ainda mais para chegarmos preparados para a fase final que sabemos que não 68600288 643581159497462 6347189454137982976 nserá fácil. Vamos conversar com alguns professores da Engenharia Civil para aprimorar ainda mais o nosso projeto, porque se ele for financiado por um empresário não será apenas uma realização pessoal para nós, mas será bom para toda a sociedade porque o produto é sustentável e vai ajudar muitas pessoas que querem construir ou reformar a casa”, salientou Bianca.

A aluna Laiane Bernardes Camargo falou pela equipe FreeWorkers, um marketing place que vai ligar o cliente a quem fornece o serviço. “Haverá uma lista de profissionais para o serviço procurado e avaliações sobre a atuação de cada um. É uma ideia que potencial para o mercado”.

Também foi classificada a equipe PoupEdu dos alunos Amanda Jacinto Santos, Luiz Guilherme Ferreira Pires, Mariana Íris Ferreira Felipe e Sabrina de Melo Almeida. A ideia da equipe é desenvolver um aplicativo para orientar os brasileiros nas finanças pessoais. “Antes da final queremos melhorar, ter mais ideias para que os empresários vejam o potencial que ele tem. Eu acredito que ele fará uma grande mudança porque todo mundo precisa disso: saber onde e como gastar”, explicou Amanda.

Sobre a classificação, Mariana disse que foi muito importante e motivador. “Disputamos com grupos muito bons e saber que passamos é porque estamos no caminho certo. A gente espera vencer a disputa”.

Nesse final de semana, as equipes participam do Programa AGITA Experience do SEBRAE, com oficinas de negócios e mentorias individuais.

Equipes classificadas para a Olimpíada:

FreeWorkers
(Arthur Ferreira, Claraelisa Martins Mariano, Gabrielly Cristhiny Lopes Pereira, Laiane Bernardes Camargo)
A plataforma FreeWorkers é um marketplace que oferece aos trabalhadores autônomos a oportunidade de divulgação dos seus serviços, conectando-o a usuários que buscam os mais diversos tipos de serviços, como aulas particulares, costureiras, encanadores, nutricionistas, etc. Através do perfil criado para usuários e prestadores de serviço, a FreeWorkers auxilia na escolha do profissional ideal a partir das avaliações de quem já utilizou o serviço, além de intermediar o contato entre os autônomos e os clientes. O site oferece uma interação segura entre empregador e empregado, facilitando o trânsito de serviços entre os autônomos, que conseguem aumentar consideravelmente a quantidade de serviços realizados por dia e agilizando as demandas dos clientes, com efetividade e qualidade. A plataforma é um intermediador dessa relação, e se encontra hospedada no seguinte site: http://free-workers.xyz/Free-Workers/

e-serviçoseconstrução
(Douglas Ribeiro e Otávio Rosário)
A Startup e-serviçoseconstrução é constituída  do CEO Douglas Ribeiro aluno do décimo período de Engenharia Civil e o CMO Otávio Rosário aluno do segundo período de Engenharia Civil. A empresa é um marketplace de serviços focado principalmente em BtoC (business do client) na área da construção civil. Nosso cliente vai ter a disposição diversos serviços do ramo com um rating de melhores parceiros juntamente com um portfólio do serviço prestado e pode efetuar a contratação assim como o orçamento 100% online.

Check Point
(Heitor Fonseca, Kimberly Daniel, Raíssa Moreira, Sofia Pereira, Ana Clara Duarte)
Check Point Viagens Corporativas é uma empresa que visa atender clientes, sejam empresas ou empresários, que buscam facilidade, praticidade, tempo otimizado e segurança ao organizar uma viagem de negócio. A empresa oferece um serviço personalizado onde o cliente pode escolher o que deseja conforme sua necessidade, sendo eles transporte, translado, hospedagem e alimentação.
 O diferencial da Check Point está nas parcerias que possuem em hospedagem, resultando assim em uma baixa no valor. Além disso, o contato do cliente com  empresa é feito online, por meio do site, e nele você coloca todas as informações necessárias, como por exemplo, data do compromisso, horário, origem  e destino e serviços desejados, e através disso é feito todo um orçamento, enviado ao cliente e caso esteja de  acordo é assinado.

EcoBuild
(Bianca Garbin, Bruno Garcia, Franciele Justimiano, Jacyelli Crispim e Larissa Brunhara)
A Eco Build é uma empresa voltada para fabricação de produtos sustentáveis, utilizando resíduos como uma das fontes de matéria-prima. Dessa forma, oferta-se produtos de qualidade compatível com os produtos convencionais, porém com um custo mais acessível a população. A Eco Build é composta pelos alunos de engenharia química Bianca Garbin, Bruno Garcia, Franciele Justimiano, Jacyelli Crispim e Larissa Brunhara. O carro chefe da empresa é o produto Eco Brick, que consiste em um tijolo ecológico a base de solo-cimento, que utiliza resíduos de polpa celulósica em sua composição, reduzindo a necessidade de cimento e utilizando o processo de prensagem ao invés da queima, o que garante um preço muito mais acessível, se diferenciando da concorrência.

100% Especial
(Ana Elísa de Paiva Farias e Letícia Aparecida dos Santos Carneiro)
A 100% Especial é uma plataforma online criada devido à dificuldade dos portadores de necessidades especiais em encontrar uma colocação no mercado de trabalho, assim como as empresas encontram dificuldade em preencher as vagas destinadas por lei a eles. Portanto, o site servirá de intermediador do processo de recrutamento. Além desta função, buscaremos conscientizar as empresas acerca da importância da contratação de PCD's, mostrando que eles têm capacidade e potencial para fazer parte da equipe de colaboradores.

PoupEdu
(Amanda Jacinto Santos, Luiz Guilherme Ferreira Pires, Mariana Íris Ferreira Felipe, Sabrina de Melo Almeida)
O projeto de empreendedorismo "PoupEdu" é formado pelos seguintes alunos do 3º ADM2017: Amanda Jacinto, Mariana Íris, Luiz Guilherme Ferreira e Sabrina Almeida. Foi idealizado como um aplicativo de controle de gastos que oferecerá educação financeira gratuita para diminuir os índices de endividamentos das famílias brasileiras. Ele é dividido em três partes: controle de gastos, dicas financeiras e campo de motivação. Todas as partes em conjunto auxiliam o usuário a entender seus gastos, economizar na hora da compra, aprender sobre a economia em que vive e se motivar para continuar a poupar e atingir seus objetivos de vida. O PoupEdu é educação!

Assessoria de Comunicação
IFSULDEMINAS - Campus Pouso Alegre

registrado em:
Fim do conteúdo da página