Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > FLIF Virtual
Início do conteúdo da página

FLIF Virtual

Publicado: Quarta, 05 de Agosto de 2020, 14h09 | Última atualização em Quarta, 05 de Agosto de 2020, 14h40

FLIF 2020 trará palestras e atrações culturais transmitidas online

Além da mudança no formato, a partir desse ano, o evento passa a se chamar Festival Literário do Instituto Federal com uma nova identidade visual

 

Quando o tema “Além dos sentidos: a literatura, o livro e as novas mídias sociais” foi pensado, os organizadores do FLIF não tinham ideia de que o debate sobre as novas plataformas de lançamento ou leitura de livros seria tão atual. Em meio à pandemia causada por um vírus que mudou a rotina das pessoas, o mundo virtual veio como um alento para aqueles que tiveram que se isolar em suas casas. O contato passou a ser por meio de celulares ou pelas câmeras dos computadores, professores e alunos tiveram que se adaptar à realidade das aulas remotas, as compras pela internet  ganharam força e as lives se tornaram opção de lazer.

Assim, seguindo a recomendação dos Órgãos de Saúde para se evitar aglomerações, o Festival Literário também se adequou a essa nova realidade e, esse ano, será totalmente virtual com palestras, apresentações culturais, concurso literário, dicas e lançamentos de livros e muitas outras atrações.

“Perderemos a presença dos escritores, os diálogos ao vivo com os palestrantes, o ato de folhear livros e descobrir novos exemplares na exposição das editoras. Por outro lado, ganharemos em expansão do público, tornando o incentivo à leitura um ato sem barreiras físicas. Os desafios são muitos, mas as expectativas também”, disse a professora de Literatura do Campus, Elisângela Lopes.

Palestras:

As mulheres marcarão presença na edição virtual do FLIF. A escritora Ana Regina Nogueira, autora dos livros: Viver o amor aos cães, Por que ninguém me disse isso antes?, Ensolar Vidas e Fraternidade: missões humanitárias internacionais abrirá o evento. A escritora é reconhecida internacionalmente sobretudo pela última obra que traz relatos dos voluntários da Fraternidade – Missões Humanitárias Internacionais (FMHI).

Rejane C. Roch, professora da UFSCar na área de Literaturas de Língua Portuguesa e do Programa de Pós-Graduação em Estudos de Literatura trará a discussão sobre a literatura digital, o livro e as novas mídias.

Para falar sobre as plataformas virtuais de lançamento e leitura de livros, o FLIF faz um bate-papo com as jovens escritoras Wlange Keindé (autora dos livros “A criação do escritor” e do canal no youtube “Ficçomos”), Beatriz Aparecida Costa Ribeiro (criadora do portal de dicas de leitura Recanto Épico), Chris Salles (vencedora de dois prêmios na categoria histórias mais populares, com o livro "O diário Internacional de Babi"), Aimée Oliveira (autora dos livros “Pela Janela Indiscreta”, “Amores Improváveis”, “Mundos Paralelos”, “A matemática das relações humanas” e “Invisível”), Bárbara Rosa (autora do livro “Em solidão o solo é fértil”) e Clara Alves (vencedora do prêmio Wattys na categoria Novas Vozes com "Como Reconquistar um amor perdido" e na categoria Romance com "Romance Real).

A programação completa com as demais atrações será divulgada em breve.

Assessoria de Comunicação
IFSULDEMINAS – Campus Pouso Alegre

registrado em:
Fim do conteúdo da página